COMO MANTER OS ALUNOS DISCIPLINADOS [DICA 5/6]: TORNAR O DIÁLOGO SEMPRE PRESENTE

DICA 5 TORNAR O DIÁLOGO SEMPRE PRESENTE

Você acredita na necessidade de tornar o diálogo sempre presente na sala de aula? Você sabe qual a consequência de não ter o diálogo como aliado? Você já sentiu dificuldade em dialogar com seus alunos e assim conseguir manter a disciplina?

 “Nossa, eu ainda não tinha refletido sobre isso! ”.

Mas acredito que agora você parou e…

Estar refletindo, não é mesmo?

É claro que manter a disciplina na sala de aula é muito difícil, pois não depende só de um lado. Dificilmente professores e alunos conseguem obter o equilíbrio entre negociar e ceder.

Para que tudo se resolva da melhor forma possível, é importante manter a autoridade, além disso proporcionar aos alunos a participação na resolução dos conflitos.

E para tanto, o diálogo é um verdadeiro e forte aliado que precisa ser cultivado.

Partindo deste princípio, vamos entender um pouco mais sobre a importância de tornar o diálogo sempre presente na sala de aula…

A PRESENÇA DO DIÁLOGO

DICA 5 TORNAR O DIÁLOGO SEMPRE PRESENTE

Diálogo é uma conversação estabelecida entre duas ou mais pessoas, que pretendem transmitir ou partilhar ideias, pensamentos, sentimentos, valores, entre muitos outros aspectos essenciais ao desenvolvimento psicológico, emocional e cognitivo do ser humano.

Baseado nesse conceito, percebemos que o diálogo deve estar sempre presente, onde tem grupos reunidos com algum objetivo comum.

O diálogo nos possibilita a experiência de aproximação com o outro.

No ambiente escolar, a presença do diálogo é crucial para que haja uma relação pelo menos razoável e consiga se construir com os estudantes o bem comunitário.

 “Dialogar é o caminho da permanente construção da vida social, familiar e individual”.  Dom Walmor Azevedo

Quando se entra em situação de diálogo, cria-se uma comunhão, criam-se novos encontros humanos, onde aparece a naturalidade das perguntas e respostas de um com o outro ou com o grupo.

CONSEQUÊNCIA DA AUSÊNCIA DO DIÁLOGO

DICA 5 TORNAR O DIÁLOGO SEMPRE PRESENTE

Nas relações de pessoas, caso o diálogo não aconteça, o grupo não terá condições de prosseguir como tal.

A ausência da comunicação de qualquer esfera da relação humana, dar início aos desentendimentos, as agressões, ao ódio, aos conflitos, etc..

O professor jamais pode abrir mão do diálogo, ou estará permitindo a indisciplina permanente e ao fracasso profissional.

Estará influenciando também, mesmo sem intenção, seus alunos à serem pessoas egoístas, preconceituosas, enfim, pessoas que não respeitam a opinião do outro, não tem capacidade de ouvir e muito menos concordar com ideia alguma.

A IMPORTÂNCIA DO DIÁLOGO NA SALA DE AULA:

1. Com os alunos, no processo ensino aprendizagem

DICA 5 TORNAR O DIÁLOGO SEMPRE PRESENTE

“O diálogo: como atitude própria humana, expressão da capacidade de perguntar e responder ao outro, como igual, é componente fundamental da educação”.

Neste processo de ensinar e aprender que é o processo educativo, é imprescindível a presença constante do diálogo.

Sim, pois o diálogo é considerado pedagógico, já que possibilita as relações entre os sujeitos da educação,

Além disso, a nossa sociedade assim como os nossos alunos, alimenta-se do diálogo e é através deste que assistimos ao progresso da educação.

No entanto, quando a comunicação é desagradável, inadequado ou simplesmente ausente, passamos a assistir ao oposto e verifica-se deste modo um marcante regresso na educação.

Infelizmente, ainda existe professores que não permitem o aluno expressar opinião, não aceita e não respeita as opiniões de seus alunos, tornando o diálogo impossível.

Agindo dessa maneira o professor estará prejudicando o processo de aprendizagem, a formação do educando e o bom relacionamento em sala de aula.

Logo, surgem os conflitos e as revoltas por parte dos alunos que, obviamente, tiveram motivo suficiente para agir de tal forma.

Portanto, é essencial que o professor seja um mediador do diálogo em sala de aula.

Porque o ensino aprendizagem somente será concretizado a partir do momento em que o diálogo, a troca de experiências e a socialização dos alunos junto ao professor se tornarem presentes.

2. Com os alunos, na resolução de conflitos 

DICA 5 TORNAR O DIÁLOGO SEMPRE PRESENTE

O conflito escolar é praticamente inevitável. A convivência entre pares acontece o tempo todo. E então?

A própria forma de organização em grupo com interesses e possibilidade de relacionamentos muito próximos, contribui para que os conflitos surjam.

Para que os conflitos não se agravem é essencial que o professor esteja preparado para mediar e estimular o diálogo.

A ideia é ensinar a argumentar e a respeitar o outro, ouvir os colegas, elaborar e reelaborar suas opiniões e argumentos, e assim manter a educação sempre presente no convívio diário.

O desentendimento entre os alunos desprovidos de orientação e mediação do professor dará lugar às provocações, aos xingamentos e até mesmo às agressões físicas e psicológicas.

Enfim…

Para que o diálogo possa prevalecer sempre em sala de aula, uma boa estratégia é reservar um dia na semana para debates de temas importantes.

Tratar sobre os temas do Acordo de Classe estabelecido no início do ano é indispensável. (Esses debates podem ser feito depois da leitura de uma história reflexiva sobre o tema, um filme, etc.)

3. Com os alunos, no relacionamento como pessoa 

DICA 5 TORNAR O DIÁLOGO SEMPRE PRESENTE

Quando se trata do relacionamento entre seres humanos, o ideal é sempre o diálogo, sobretudo quando se refere ao relacionamento de professor com o seu aluno.

Na sala de aula, mesmo que aconteçam algumas situações desagradáveis entre professor e aluno, o educador deverá ser profissional.

Portanto, jamais cortar o relacionamento com o aluno, pelo contrário, ele precisa usar o diálogo como o alicerce para a construção da amizade, da compreensão e da disciplina na sala de aula.

 Além disso, o professor precisa conquistar a confiança do aluno, demonstrando amizade e respeito.

É essencial conversar diariamente e evitar o acumulo de situações desagradáveis, auxiliando a dissolver energias e sentimentos negativos.

CONCLUSÃO 

DICA 5 TORNAR O DIÁLOGO SEMPRE PRESENTE

Enfim, o desenvolvimento e a transformação do mundo somente serão possíveis quando os educadores tiverem consciência de seu papel na construção do caráter dos futuros cidadãos.

É imprescindível, tornar o diálogo um hábito e repassar isso para os alunos, de modo que desperte em cada um a necessidade de dialogar.

Quando isso chegar a acontecer, o professor perceberá que a indisciplina na sala de aula, estava sempre presente pela ausência do diálogo, “acredito que os dois não andam juntos”.

Mas com a presença constante e correta do diálogo no processo do ensino aprendizagem, na resolução dos conflitos e na relação professor/aluno com certeza a disciplina e a paz irão prevalecer.

Compartilhe esse artigo com seus amigos para que juntos possamos ajudar o máximo de professores a manter a disciplina, tornando o diálogo sempre presente. Deixa seu comentário aqui abaixo.